in

Live Nation espera zerar o uso de plásticos em eventos até 2021

A maior produtora de eventos do mundo, a Live Nation, anunciou a meta de zerar o uso de plásticos de seus show, festivais e eventos até 2021.”Realizando mais de 35.000 shows e festivais por ano, o Live Nation tem a oportunidade e a responsabilidade de fornecer aos nossos artistas e fãs uma experiência de música ao vivo que protege nosso planeta”, disse Michael Rapino, CEO da Live Nation Entertainment, em um comunicado. 

A agenda “green” da companhia já causa impacto em diversos festivais na Europa, podendo também alterar a logística do Rock In Rio, onde possui participação de 50% da holding do festival. A próxima edição será no Rio de Janeiro , em setembro e outubro de 2019. A cidade já atua com lei que bane o uso de canudos de plástico, mas a atual legislação ainda permite o uso de plástico descartável.

“Nossa posição acordada em todo o mundo é reduzir os impactos ambientais negativos, frequentemente associados a eventos ao vivo, incluindo geração de resíduos e plásticos de uso único, uso de energia e água, transporte e abastecimento de alimentos”, completou a assessoria de imprensa da Live Nation.

Os plásticos de “uso único” são um problema global, especialmente em eventos e grandes festivais, onde, geralmente, a logística impede o uso de latas, por serem consideradas objetos cortantes. A alternativa esperada é a substituição do plástico por materiais biodegradáveis já disponíveis em peso no mercado.

This post was created with our nice and easy submission form. Create your post!

Report

Loading…

0

Comments

0 comments

Newbie

Postado por: Matheus Regis

Internacionalista pela PUC-SP, busco democratizar minhas paixões – arte, cultura e tecnologia – inserindo, apresentando e promovendo aos leitores, uma vanguarda de conteúdos.

Brasil recebe instalação interativa para divulgação do álbum “TIM” de Avicii

Cine Belas Artes trás especial de filmes LGBTQ+ em mês comemorativo