in , , ,

Sesc Avenida Paulista apresenta Badi Assad

Show com repertório inspirado no livro “Volta ao Mundo em 80 Artistas”

No dia 29 de junho, sábado, Badi Assad se apresenta no Sesc Avenida Paulista com o repertório inspirado nas histórias e artistas do livro “Volta ao Mundo em 80 Artistas”. Na obra, Badi conta algumas destas histórias sobre artistas da música de diversas partes do mundo, inclusive as que ela mesma vivenciou nas tantas viagens que fez em 26 anos de carreira. São músicas de diferentes estilos e etnias – autorais, releituras frescas ou já gravadas nos mais de 14 discos lançados.

Sobre o livro “Volta ao Mundo em 80 artistas”

Primeiro livro da cantora e violonista composto por 80 crônicas sobre artistas da música, de cada canto do mundo: Américas, Europa Ásia e Oceania, figuram nomes variados e de gerações e estilos diferentes, como Amina Annabi (Tunísia), Sting (Inglaterra), Astor Piazzolla (Argentina), Tori Amos (EUA), Lorde (Nova Zelândia), Kodo (Japão), Hozier (Irlanda), Björk (Islândia) e Paco de Lucía (Espanha). Do Brasil, Elza Soares, Naná Vasconcelos, Ney Matogrosso, Fernanda Takai, Marlui Miranda, Egberto Gismonti, Filipe Catto e Inezita Barroso, etc.

Serviço – Badi Assad

Quando: Dia 29 de junho de 2019. Sex., 21h
Classificação: Livre
Local 13º andar – Arte II | Sesc Avenida Paulista
Lotação 100 pessoas
Ingressos R$30, R$15 (meia) e R$9 (credencial plena)

Avenida Paulista, 119, Bela Vista, São Paulo

Fone: (11) 3170-0800

Transporte Público: Estação Brigadeiro do Metrô – 350m

Horário de funcionamento da unidade:

Terça a sábado, das 10h às 22h.

Domingos e feriados, das 10h às 19h.

Horário de funcionamento da bilheteria:

Terça a sábado, das 10h às 21h30.

Domingos e feriados, das 10h às 18h30.

Report

Loading…

0

Comments

0 comments

Newbie

Postado por: Gabriel Lucas

22 anos, respira música mesmo não tendo dom para tal, super eclético, criador do Nation POP, compartilha um pouco de tudo que gosta.

Vem conhecer “Cida”, de Agnes Nunes e o Xamã

Zanna encanta o público no Blue Note São Paulo com o melhor da MPB